Nem todo mundo precisa de um site

Como eu gosto de dizer: seu site é o seu endereço na internet. No medo de não se tornar um sem-teto digital, parece que todo mundo resolveu criar um. Consequentemente, muitos desenvolvedores e softwares de criação de sites surgiram e começaram a espalhar que quem não tem um está pra trás. Mas calma. Não bote seu dinheiro na mesa antes de ler este post. Eu quero te ajudar a decidir se esse é o melhor momento para criar o seu site e como fazer seu dinheiro valer na hora H.

Por que as pessoas entrariam no seu site?

A depender da sua resposta, criar um site nesse momento pode ser uma boa ou má escolha para o seu negócio.

Se você tem uma boa resposta para essa pergunta, pode ser um indício de que você realmente precisa de um site. Mas primeiro vejamos o que não seriam boas respostas:

  • “Para saber o horário de funcionamento da minha loja”
  • “Para conhecer meus serviços”
  • “Para ter os meios de contato da empresa”
  • “Para saber minha localização”

Essas não são boas respostas porque criar uma conta no Facebook, por exemplo, responde todas elas e você não paga nada por isso. Não para criar a conta, pelo menos.

Então, o que seriam boas respostas?

  • “Para obter informações que não estão nos outros canais da empresa”
  • “Para obter material exclusivo”
  • “Para obter conteúdo mais detalhado”

Já essas respostas são boas, pois indicam que seu site vem para agregar valor ao seu negócio, não para somar custos.

O que quero dizer é que existem boas opções disponíveis para quem só precisa divulgar algumas informações básicas. Eu citei o Facebook agora a pouco, porque ao meu ver ela é muito mais que uma rede social. Para as empresas, ela é também uma plataforma de divulgação bastante completa. Dá até para comercializar produtos por lá!

Criar um site requer comprometimento com manutenção, atualização, design, usabilidade, acessibilidade… É uma responsabilidade muito compensadora, mas ainda assim uma responsabilidade. Se o seu negócio ainda está engatinhando, por exemplo, eu não diria que este é o momento certo para assumir essa responsabilidade.

Você precisa de um site se…

  • Você já divulga seus serviços nas redes sociais e agora precisa de um local para seu público conhecer mais a fundo sua história, sua equipe, suas ofertas e outros canais relevantes da empresa
  • Sua empresa está perdendo credibilidade ou oportunidades porque as pessoas estão procurando seu site e não estão achando
  • Seu produto ou serviço é complexo e necessita de mais detalhamento
  • Você possui material rico para oferecer que não cabe em outros canais
  • Você quer monitorar as buscas e o interesse do público
  • Você precisa de uma funcionalidade específica que outros canais não oferecem
  • Você deseja colher o email de clientes interessados em sua Newsletter

Obviamente, essa não é uma lista extensiva. Mas, se você está na dúvida, esses são bons motivos para você investir no seu site.

Você ainda não precisa de um site se…

  • Sua empresa é muito recente e você ainda não tem nem conteúdo para utilizar
  • Seu negócio é bastante local e não há o interesse em expandir
  • Não há interesse do público
  • Seu capital está limitado e você está pensando no site como foco da divulgação

Mais uma vez, não tome essa lista como definitiva. Esses são cenários que eu já pude presenciar durante esses anos trabalhando com microempreendedores de diferentes áreas. Hoje eu vejo que não adianta se enrolar para construir um site se a empresa ainda não tem uma estratégia sólida de marketing digital.

Também é importante lembrar que site não se divulga sozinho, ele precisa ser divulgado. Seja pelo SEO, redes sociais ou links patrocinados. Portanto, planeje bem suas prioridades. Uma empresa de marketing digital ou profissional da área podem te ajudar nesse aspecto.

Conclusão: manter um site é responsabilidade

Se você concluiu que está na hora de começar o seu site, muito bom! Atente para alguns detalhes eu falo em O que faz um bom website?. Por outro lado, se sua conclusão é que essa não é a hora certa, tranquilo também. Dedique-se ao seu planejamento estratégico e prioridades do momento. O mais importante é ter um plano bem elaborado e executar tudo de maneira consistente. Dessa forma, você conseguirá fazer com que seu investimento seja melhor aproveitado em cada etapa do crescimento do seu negócio. E, claro, se precisar de ajuda com o site, estamos aqui pra isso. 😉

 

Posso pedir um favor? Comenta aqui em baixo se esse texto foi útil pra você e que outros temas te interessam para a gente trazer também! Prometo que responderei tudo. Acho que você vai gostar também de deixar seu email para ser avisado de novos artigos e receber alguns materiais que não publicamos aqui no Blog.

Até a próxima!

"Conhecimento compartilhado se multiplica..."

Tarcio Marinho

Tarcio Marinho

Cofundador e Autor

Amante de desafios, açaí e produtos da Apple, Tarcio é um solucionador de problemas empenhado em transformar a web em um ambiente muito mais agradável para todos. Seu maior defeito: ele fica triste com as pessoas que não compartilham os posts do Blog da TAG.